Boletim Notícias



Dia do Arquiteto – CAU Bahia

No dia 15 de dezembro, comemora-se o Dia Nacional do Arquiteto e Urbanista. Neste ano, a data será celebrada com evento que discute o tema “Patrimônio em Risco”, realizado no dia 16 de dezembro, na Casa do Comércio e as inscrições são gratuitas para estudantes e profissionais de arquitetura do estado.

Os presentes assistirão a uma mesa mediada pelo Professor Doutor Paulo Ormindo que receberá o Professor Doutor Romeu Duarte Júnior, da Universidade Federal do Ceará e João Carlos Cruz, Diretor do IPAC (Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia), para exposição de questões acerca do tema, seguido de debate com o público.

O evento faz parte de uma série de medidas adotadas pelo CAU/BA em defesa do patrimônio histórico de Salvador. Desde 1985, a região do Centro Histórico é tombada como Patrimônio Cultural da Humanidade e atualmente, encontra-se em condições precárias de uso e conservação, fato preocupante que levou o Conselho, junto com representantes do Instituto dos Arquitetos do Brasil – Departamento da Bahia e Sintarq (sindicato de arquitetos e urbanistas baianos) requererem à Unesco (braço da ONU para educação e cultura) incluir os casarios do centro histórico de Salvador na lista dos patrimônios ameaçados.

O evento oferecerá certificado de participação para os participantes.

Participantes

Paulo Ormindo

O mediador Paulo Ormindo David de Azevedo é formado em Arquitetura pela Universidade Federal da Bahia (FAU UFBA) desde 1959 e possui especializações em Geografia Urbana pela University of Wisconsin – Madison (1960), especialização Internacional de Prospecção Arqueológica pelo Instituto Politécnico de Milão (1969) , especialização em Specialisation Pour La Conservation Et La Restaura pela International Center Of Conservation And Restoration Of Monuments And Sites (1969) e doutorado em Perfezionamento Per Lo Studio Dei Monumenti pela Università degli studi di Roma Tre (1970).  Atualmente é professor da FAU-UFBA, atuando na área de restauro do centro histórico da cidade de Salvador.

Restauração Arquitetônica: entre o passado e o presente

Romeu Duarte  Júnior

Romeu Duarte Júnior é arquiteto e urbanista pela Universidade Federal do Ceará (1985), Mestre (2005) e Doutor (2012) em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de São Paulo. Atualmente é Professor do Curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Ceará, sendo representante suplente da UFC no Conselho Municipal de Patrimônio Histórico e Cultural de Fortaleza. Foi Superintendente do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – IPHAN no Ceará (1997-2008), Presidente do Departamento do Ceará do Instituto de Arquitetos do Brasil – IAB-CE (1992-1994) e Presidente da Direção Nacional do Instituto de Arquitetos do Brasil – IAB (1994-1996). Foi também membro do Conselho Estadual de Preservação do Patrimônio Cultural do Ceará (2001-2008) e membro do Conselho Estadual de Cultura do Ceará (2003-2008), além de representante titular do IAB na Comissão Nacional de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura – CNIC-MinC (2011-2012). Recebeu, em 1996, a Insígnia e Medalha de Ouro do Colegio Oficial de Arquitectos de Madrid pelos relevantes serviços prestados à arquitetura.

Tese de doutorado do Professor Romeu Duarte Junior “Sítios históricos brasileiros: monumento, documento, empreendimento e instrumento – o caso de Sobral – CE”

Entrevista com o Professor no Jornal O Povo Online

Coluna do Professor no Jornal O Povo Online

João Carlos de Oliveira

O arquiteto baiano João Carlos de Oliveira foi nomeado, no início do ano, diretor do Instituto do Patrimônio Artístico Cultural da Bahia (IPAC), autarquia que desenvolve políticas públicas para os bens materiais e imateriais do estado. João Carlos é especialista em Conservação e Restauração de Monumentos e Conjuntos Históricos pela Universidade Federal da Bahia (Ufba) e integra, desde 2009, o quadro do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), do Ministério da Cultura (Minc).

João Carlos de Oliveira: convite à permanência

Milena Luisa da Silva Tavares

A arquiteta formada pela Faculdade de Arquitetura da UFBA é Gerente de Sítios Históricos da Fundação Gregório de Mattos onde coordena a manutenção de monumentos públicos de Salvador. Possui especialização em gestão de cultura dos estados do nordeste pela Universidade Federal Rural de Pernambuco, UFRPE, Brasil com o trabalho “O Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC) na Salvaguarda de Bens Móveis e Integrados na Bahia e especialização em Conservação e Restauro de Monumentos e Sítios Históricos – CECRE pela UFBA. Antes da FGM, Milena foi da coordenação de ações de preservação, pela Lei Estadual 8.895/2003, e de restauro do patrimônio cultural, prevendo: desenvolvimento de dossiê, termos de referência, inventário, análise, pesquisa e emissão de informação e parecer técnico acerca de bens culturais.

SERVIÇO:

EVENTO PATRIMÔNIO EM RISCO – DIA DO ARQUITETO E URBANISTA 2015

ONDE: Casa do Comércio

QUANDO: 16 de dezembro, às 18h

INSCRIÇÕES: Preencha o Formulário, Vagas Limitadas



Sede

Edifício dos Arquitetos
Ladeira da Praça nº 9, Centro

(71) 3335-1195
iab-ba@iab-ba.org.br

Escritório Executivo

Ed. Raphael Gordilho, Av. Lucaia 317, sala 203,
Rio Vermelho, CEP 41940-660 Salvador, BA


Institutos de Arquitetos do Brasil - Departamento da Bahia. © 2020. Todos os direitos reservados.