Boletim Notícias



Audiências públicas discutem Relatório de Caracterização Anual

audiencia

O Relatório de Caracterização Anual foi o foco de três audiências públicas convocadas pela Prefeitura Municipal de Salvador entre os dias 15 e 16 de junho. O documento, encomendado à Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), apresenta um diagnóstico da cidade de Salvador (BA) com o objetivo de conduzir as próximas ações que culminam no novo projeto do PDDU e no Plano Salvador 500.

Contribuindo com as discussões, o IAB-BA esteve presente nas audiências. Segundo a presidente do instituto, Solange Araújo, o documento não apresenta um diagnóstico consistente. “O texto apresentado pela PMS/FIPE, supostamente um diagnóstico, não foi elaborado tomando como base dados primários, fundamentais a elaboração do Plano nem do PDDU e LOUOS”, afirma. Solange também sinaliza que a inconsistência do plano pode levar a problemas graves na área de parcelamento, uso e ocupação do solo, padrões de qualidade de urbanização, aplicação de instrumentos da politica urbana, capacidade de suporte da infraestrutura urbana, seu potencial de adensamento e de demandas de investimentos.

“ O plano não esboça uma metodologia de trabalho, não traça os principais vetores de expansão da cidade e nem os principais problemas a enfrentar – seja em termos de áreas protegidas (patrimônio ambiental urbano/regional), seja em termos de gentrificação indesejada, especulação imobiliária predatória, ou infraestrutura precária a ser posta (reposta) com recursos públicos”, finaliza.

Na ocasião o Fórum A Cidade Também é Nossa, atualmente coordenado pelo IAB-BA, protocolou a Analise Preliminar do Relatório de Caracterização Anual, que objetiva contribuir com a discussão e apontar experiências e trabalhos recentemente elaborados, que possam auxiliar o encaminhamento de uma melhor politica urbana para a cidade do Salvador.

A elaboração da analise contou com a contribuição de consultores qualificados como os arquitetos e urbanistas Helidório Sampaio, Luiz Antônio de Souza e Carl Von Hauenschild que analisaram o uso do solo e a dinâmica urbana.

Confira a Analise Preliminar do  Relatório de Caracterização Atual: www.ParticipaSalvador.com.br,



Sede

Edifício dos Arquitetos
Ladeira da Praça nº 9, Centro

(71) 3335-1195
iab-ba@iab-ba.org.br

Escritório Executivo

Ed. Raphael Gordilho, Av. Lucaia 317, sala 203,
Rio Vermelho, CEP 41940-660 Salvador, BA


Institutos de Arquitetos do Brasil - Departamento da Bahia. © 2020. Todos os direitos reservados.