Destaques Home Notícias



ArquiMemória 5 reúne especialistas mundiais da arquitetura e patrimônio edificado em Salvador

O principal encontro sobre a preservação do patrimônio edificado realizado no Brasil, o ArquiMemória 5 acontece de 27 de novembro a 1º de dezembro, em Salvador-BA. No evento, estarão reunidos especialistas de mais de 20 países e de todo o país, dentre pesquisadores, gestores públicos e outros profissionais atuantes na área de preservação do patrimônio edificado.

Com o tema “O global, o nacional e o local na preservação do patrimônio”, o ArquiMemória 5 é realizado pelo IAB-BA, Instituto de Arquitetos do Brasil, departamento da Bahia, e pela Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal da Bahia (FAUFBA), com apoio do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), Governo do Estado da Bahia, CAPES, CNPq, CAU-BR e CAU-BA. Informações sobre inscrições e programação completa estão disponíveis no site do evento: http://iab-ba.org.br/arquimemoria5/

Sob coordenação de Nivaldo Andrade Junior, arquiteto baiano, recém-eleito presidente nacional do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), o evento coincide com a celebração de importantes instituições do patrimônio cultural. Não por acaso, a abertura do ArquiMemória 5 será no Teatro Castro Alves (TCA), a mais importante casa de espetáculos do estado e marco da arquitetura moderna em Salvador, recentemente tombado pelo IPHAN, que completa 50 anos em 2017. Também serão festejados os 80 anos de institucionalização da política de preservação do patrimônio cultural no Brasil, a partir da criação do atual Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e os 50 anos do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC), órgão estadual de preservação do patrimônio cultural baiano.

O ArquiMemória 5 faz parte da programação preparatória para o 27º Congresso Mundial de Arquitetos, o maior evento mundial da arquitetura, a ser realizado no Rio de Janeiro em 2020 e deve reunir cerca de 15 mil profissionais. O congresso acontece a cada três anos, sendo a quarta vez na América Latina e a primeira vez no Brasil. A última edição na América Latina foi em 1978, no México. “O maior desafio, no entanto, não é preparar celebrações e organizar eventos, mas sim resgatar a dimensão social da arquitetura. Boa parte da população brasileira desconhece a importância do arquiteto e urbanista na melhoria e qualificação dos espaços que utilizamos todos os dias”, conta o organizador do ArquiMemória 5, Nivaldo Andrade.

Programação

O evento é dividido em três eixos temáticos: “A circulação de conceitos e teorias”, “Instituições e sociedade: global, nacional e local” e “Projeto e tecnologia: formação e prática”. A estrutura é composta por conferências, mesas redondas temáticas, sessões de comunicações, colóquios temáticos, exposição de projetos e feira do ArquiMémoria.

Toda a programação acontecerá em uma série de edifícios tombados localizados no Campo Grande e arredores. Em dois dias, a programação do evento acontecerá na sala principal do Teatro Castro Alves (TCA): a abertura, no dia 27 de novembro, a partir das 9h e a jornada especial dedicada aos 80 anos do IPHAN e aos 50 anos do IPAC e do TCA, realizada no dia 30 de novembro.

O Salão Nobre da Reitoria da UFBA, a Reitoria do Instituto Federal da Bahia (IFBA), antiga sede do Colégio Maristas e o Teatro Martim Gonçalves da Escola de Teatro da UFBA também receberão uma série de atividades do ArquiMemória 5. Parte da programação do ArquiMemória 5 será realizada no Sheraton Hotel da Bahia, hotel oficial do evento

Convidados nacionais e internacionais

Estão confirmados para o evento nomes referenciais da arquitetura e do restauro, como os italianos Andrea Bruno e Marco Dezzi Bardeschi, o alemão Alexander Schwarz, o argentino Ramon Gutiérrez, entre outros conferencistas convidados. Representado pelo arquiteto David Barragán, o premiado coletivo de arquitetos equatorianos Al Borde realiza uma conferência na abertura do evento, dia 27/11, no Teatro Castro Alves. Seguidores da arquitetura do “fazer muito com pouco”, os projetos do grupo buscam impulsionar o desenvolvimento local e a inovação social.

Barragán vem compartilhar as experiências vivenciadas em Quito, no Equador, especialmente o projeto “Casa em Construção” – uma estratégia inovadora de restauração e refuncionalização de uma casa do Centro Histórico, onde funciona a sede do Al Borde. A recuperação da casa é feita com baixo custo, uso consciente dos recursos locais e material reciclado.

Os desafios da preservação do patrimônio dos séculos XX e XXI será abordado nas palestras realizadas pela Diretora Regional de Cultura do Alentejo (Portugal), Ana Amendoeira, pelo Subdiretor de Patrimônio Mundial do INAH – Instituto Nacional de Antropologia e História do México, Francisco Vidargas, e pelo Professor Flávio Carsalade, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que foi o responsável pela recente inscrição do conjunto arquitetônico da Pampulha, projetado por Oscar Niemeyer em Belo Horizonte, na Lista do Patrimônio Mundial da Unesco. A professora catedrática de restauro arquitetônico da Universidade de Nápoles, Renata Picone, abordará o tema da acessibilidade universal no sitio arqueológico de Pompéia.

Lançamentos e Exposição

Durante o evento serão lançados mais de 20 livros, de autores do Brasil, Alemanha, México e Itália. No dia 30/11, será lançado o livro “A cidade-atração: a norma de preservação de áreas centrais no Brasil dos anos 1990”, de autoria da arquiteta e professora da UFBA Márcia Sant’Anna. Mais de 40 projetos selecionados serão expostos no salão do Sheraton da Bahia Hotel. No local, acontecerão sessões de apresentação dos trabalhos expostos e debates.

SERVIÇO

O QUÊ: ArquiMemória 5: “O global, o nacional e o local na preservação do patrimônio”

QUANDO: 27 de novembro a 1º de dezembro, em Salvador.

CERIMÔNIA DE ABERTURA: Dia 27, das 9h às 10h30. Apresentação da Orquestra Sinfônica da Bahia.

INFORMAÇÕES E INCRIÇÕES: http://iab-ba.org.br/arquimemoria5

***

O encontro internacional ArquiMemória 5 é realizado pelo Instituto de Arquitetos do Brasil, departamento da Bahia (IAB-BA), e pela Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal da Bahia (FAUFBA), com apoio do IPHAN, Governo da Bahia, CAPES, CNPq, CAU-BR e CAU-BA. Estarão reunidos especialistas de mais de 20 países, e de todo o país, dentre pesquisadores, gestores públicos e outros profissionais atuantes na área de preservação do patrimônio edificado, além de estudantes, com um público estimado em mais de 600 pessoas. As informações para inscrições estão disponíveis no site: http://iab-ba.org.br/arquimemoria5/



Sede

Edifício dos Arquitetos
Ladeira da Praça nº 9, Centro

(71) 3335-1195
iab-ba@iab-ba.org.br

Escritório Executivo

Ed. Raphael Gordilho, Av. Lucaia 317, sala 203,
Rio Vermelho, CEP 41940-660 Salvador, BA


Institutos de Arquitetos do Brasil - Departamento da Bahia. © 2017. Todos os direitos reservados.